Palavras sábias!

Porque não é sobre as orientações sexuais do Goucha e assim não deve aparecer no youtube para todos vermos, transcrevo aqui o que já há muito tempo me intrigava e procurava ouvir um juiz/advogado dizer/explicar. Das palavras mais sábias que ouvi ultimamente e no último programa onde esperaria ouvir:
António Marinho e Pinto, advogado, conta: "Sobre a justiça, tenho uma situação para vos contar. há uns anos, uma senhora, perguntou-me no tribunal, indignada com a justiça que se estava a fazer: "Se fosse a si, à sua filha, que a raptassem e violassem, o que fazia ao criminoso?" AMP: "Eu iria atrás dele e matava-o, à machadada, à facada, como pudesse, mas matava-o" Senhora: "então, está a ver, se fosse consigo já o matava, e agora que o está a defender já não age assim" AMP: "pois, minha senhora, mas isso não seria justiça, seria vingança, e vingança é diferente de justiça" S: "entao o que seria justo pra si?" AMP:"pra mim seria justo pena máxima" S:"entao, mas neste caso não está a pedir pena máxima para ele" S:"pois não, mas para se fazer justiça, tem que ser a ambas as partes, e entao teriamos que nos encontrar numa sala, porque agora, o criminoso seria seu filho e você quereria pena mínima. Assim, como não nos entendiamos, teriamos que chamar advogados, que também não se iriam entender, e aí teria que vir a terceira pessoa, o juiz, ouvir todos e decidir o que é justo para todas as partes".
Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s